domingo, 7 de julho de 2013

JÁ TÔ QUASE NORMAL! Como se isso fosse possível...


Cof, cof! Poeirão, teias de aranha... Rapaz!... Faz tempo que não apareço por aqui! Tenho um montão de coisas pra contar, mas agora quero apenas dizer como estou, com o tratamento do câncer praticamente finalizado.

Quando falei sobre esse assunto na última vez eu já tinha terminado a quimioterapia, feito a cirurgia - mastectomia radical e reconstrução da mama ao mesmo tempo - e também contei sobre uma complicaçãozinha que havia surgido em relação à prótese. Pois bem, essa pequena complicação transformou-se num problemão (a pele não cicatrizava num determinado local e acabou contaminando a prótese) e em 25 de dezembro  - sim, no dia de NATAL!!! - voltei ao centro cirúrgico, dessa vez pra retirar a prótese e o resto do mamilo que havia sobrado. Foi punk, chorei à beça, não queria ficar sem a mama de jeito nenhum e, pior, sabia que seria obrigada a aguardar seis meses pra poder recolocar a prótese. Paciência, fazer o quê, né?!

Depois disso fui pras sessões de radioterapia, 28 no total. Isso foi bem tranquilo, porque a exposição diária à radiação é rapidinha e não dói nada. A pele fica manchada onde recebe a radiação (afinal, é como se estivesse sendo queimada um pouquinho a cada dia), mas isso vai sumindo. Minhas sessões de radio terminaram há quatro meses e agora minha pele já está ótima, apenas com uma manchinha quase imperceptível, que vai desaparecer totalmente em breve.

Há um mês fiz a cirurgia de recolocação da prótese, agora por baixo do músculo pra evitar complicação. Só que, inacreditavelmente, o problema de falta de cicatrização no mesmo local estava se repetindo, o que poderia fazer com que houvesse contaminação e necessidade de retirada de novo. Aí meu médico foi rapidão e deu tiro pra tudo que foi lado. Depois de três semanas de antibióticos cascudos, curativos com Rifocina, drenagem linfática dia sim - dia não, além de 10 sessões na câmara hiperbárica (que deixou minha pele sen-sa-cio-nal!!!), parece que vencemos de vez o problema. Amanhã vamos retirar a microporagem e ver qual foi o resultado final. Tô animadíssima, sei que deu tudo certo.

Assim, aos pouquinhos, minha vida vai retornando ao normal. Mesmo sem poder caprichar nos exercícios físicos por enquanto, já perdi 13 dos 22 quilos que ganhei com a quimio. Sobrancelhas, cílios e unhas totalmente normalizados e ainda melhores que antes. Os cabelos já cortei quatro vezes, porque ainda não estão do jeitinho que eram - vieram secos, duros e ondulados. Felizmente, como falou meu oncologista, esse aspecto está melhorando bastante a cada dia. Segundo ele, só depois de um ano de terminada a quimio é que os cabelos voltam completamente ao normal. Danadão, e não é que é assim mesmo?! Por isso, resolvi não cortar mais. Enfim, tô bem feliz comigo mesma, me vejo muito mais bonitinha agora.  

Já há dois meses estou tomando o Tamoxifeno (que auxilia na prevenção da reincidência do câncer de mama), coisa que farei diariamente até completar cinco anos. Ainda vou fazer uma postagem especial só pra falar deste remédio, que é um capítulo à parte. Ô coisinha esquisita!

Então, é bem assim: o câncer de mama me viu, foi com a minha cara, me agarrou e, se eu bobeasse, não me largaria mais. Só que se antes dele eu já não era exatamente um amor de pessoa, pensa só como é que fiquei depois desse choque de realidade... Contrariando todas as expectativas de que quem passou pelo câncer vira santo, agora sou muito mais tinhosa do que era antes. E chutei o câncer pra lá. E chuto tudo que me atrapalhar daqui pra frente, sem mais mais. Me transformei numa mulé ruim, péssima, no poste que mija no cachorro! Muito cuidado comigo, é só o que posso dizer.

Bom, agora, pra ficar tudo 100% belezinha, faltam apenas mais duas cirurgias: simetrização da outra mama (provavelmente com colocação de prótese também) e reconstrução do mamilo que foi perdido. Depois disso, meus caros, c'est fini, forever. Ufa, ufa, ufa e milhões de ufas! 

Ilustração: CEÓ PONTUAL

24 comentários:

  1. Respostas
    1. Feliz também por te ver aqui, Marco! Beijo!

      Excluir
  2. Que bom que você está bem. Estou muito feliz por você. Felicidades!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu, Lindalva! Que bom te ver aqui também! Beijo! ;)

      Excluir
  3. Poeirão mesmo ! Teias ? Nãooo ... o Blog já estava quase sendo invadido por "moradores de google". Piada nerd com referência a população em situação de rua.
    Em nota: Meus comentários refletem parte da minha opinião e definitivamente toda minha implicância, até porque na vida há o equilíbrio, no meio de tantos elogios você deve ter um contra-ponto. Chamarei-me de Cruz, uma cruz muito bela por sinal e de ouro branco "42ki-lates".

    Obrigado pelo seu retorno, há tempos não lia ou escrevia nada em blog algum. Sendo assim, só posso opinar sobre o presente bonito para o médico, logo no NATAL ! Felizmente ele ganhou o ano novo para ficar na farra...
    Mas não pude deixar de notar [também, apesar de tudo, é né...] que tantas idas no médico devem ser propositais, provavelmente por ele ser homem [biológico e comportamental], foram propositais SIM! Essas consultas que ele marcou devem ser para uma avaliação de material. No popular ele tava é te tarando. Que outro motivo teria pra convidá-la a ficar peladona pra ele outras vezes ? Uma dúvida ... com relação a Radio-terapia ... Se for como rádio pirata é tranquilo e legal! Embalada em músicas bacanas pelo menos ...

    Agora vá, e não deixe de escrever mais ...

    ResponderExcluir
  4. Rudriguinhu, você é mesmo uma cruz, bem pesadona, por sinal. kkkk! Mas, tudo bem. No fundo, sei que me ama. E fala que não pra ver o que acontece! Esqueceu que agora sou ruim? Tsc.

    Quanto a ficar pelada, isso já se tornou a coisa mais normal na minha vida. Tive que mostrar as coisinhas tantas vezes, que fiquei totalmente descarada. Agora fico pelada em qualquer lugar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah .. apareceu =)
      Achei não fosse colocar nada ... Acho bom !

      Excluir
    2. WebChat - No blog da Tânia agora !
      Não é por 20 centavos !

      Ruim nada, no fundo você é uma maria-mole ... e não estou falando da região traseira não ... =P

      Excluir
    3. No fundo (e na região traseira também) sou uma maria-mole MESMO. kkkkkkk!

      Excluir
    4. Nada ... E não aproveitou as drenagens ?
      Aproveitando para deixar aqui meu agradecimento, afinal você me chamou de cruz pesada ... e quanto mais pesada com mais ouuuuro ela é feita =)

      Excluir
  5. Como é ... não vai fazer a réplica não ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tsc, tsc, tsc. Atrasaaaaaaaaaaaaado! Já está na hora da tréplica, fio!

      Excluir
  6. \o/ \o/ \o/ que bom saber notícias de você. Fico feliz que as coisas já estejam normalizando. Você é uma guerreira e merece todo sucesso da vida.
    Muitos beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo, já dá pra comemorar (bebemorar é melhor). \o/\o/\o/

      Adorei te ver por aqui, Wanderley queridão! Beijo!

      Excluir
  7. Que monte de coisa que eu nem fiquei sabendo... credo!
    Voce me perdoa? @.@

    Pensa assim, sou eu uma pessoa sumida ( pode ver pelo meu blogue, a coisa tá empoeirada lá também) mas, sempre chego antes do fim da festa... portanto: Parabéns pela sua plena recuperação , mesmo com tanto coisa dando errado e tenho certeza que voce esta lindona!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tá vendo só como me largou às moscas? Hum. Espero que seu sumiço seja porque está ocupadíssima com coisas deliciosas por aí. Aí eu perdôo. Mesmo assim, tô com saudade de você, maluquete! Beijo! ;)

      Excluir
  8. "poste que mija n o cachorro" essa é nova prá mim...Mas acho que vc ficou tão...tão... tão...Cucunha...MUAHAHAHHA

    ResponderExcluir
  9. Fiquei tão Cucunha... Bom... Ééééé... Bem... Será que isso foi um elogio? ಠ_ಠ

    ResponderExcluir
  10. Caminhando para: Feliz para sempre!!!!! Bj Cássia

    ResponderExcluir
  11. Bem isso, prima querida! Super beijo! ;)

    ResponderExcluir
  12. Pode se orgulhar e se gabar de ser uma "mulher ruim"; daquelas que nem um câncer consegue passar o rodo.

    Parabéns por sua postura durante todo esse proceso desgastante. Foi uma exímia e exorial guerreira!

    Confesso que fiquei preocupado com as teias de aranha que se instalaram por aqui, mas agora tudo será como antes (ou até melhor).

    Saúde pra você, maledeta... Rsss

    ResponderExcluir
  13. Pode se orgulhar e se gabar de ser uma "mulher ruim"; daquelas que nem um câncer consegue passar o rodo.

    Parabéns por sua postura durante todo esse proceso desgastante. Foi uma exímia e exorial guerreira!

    Confesso que fiquei preocupado com as teias de aranha que se instalaram por aqui, mas agora tudo será como antes (ou até melhor).

    Saúde pra você, maledeta... Rsss

    ResponderExcluir